10 outubro 2011

Com Afeto e com Leitura

Não é a biblioteca ou a escola que desperta o gosto por ler...
é um professor, um bibliotecário que, levado por sua paixão,
a transmite através de uma relação individual.


Michèle Petit






Temos esta semana várias datas a comemorar. Entre elas escolhemos aqui duas, diretamente ligadas ao dia-a-dia do Conexão Leitura: o dia da criança e o recém criado Dia Nacional da Leitura pelo Instituto ECO FUTURO. Do site do instituto colhemos a frase da educadora Michèle Petit acima utilizada como epígrafe.

Nela está implícita a verdade de que a paixão de ler passa necessariamente por uma relação de afeto. Nossos mediadores, de todas as cinco bibliotecas comunitárias do pólo Conexão Leitura (Ateliê das Palavras, Biblioteca Wagner Vinício, Elias José, Espaço Cultural Esquina do Livro e Cantinho da Natureza) experimentam esta sensação de que transmitir conhecimento, informação e o interesse pela palavra escrita são tarefas que só podem ser bem sucedidas se elos afetivos forem tecidos através da mediação de leitura.

O riso de uma criança gargalhando com uma história, o toque das mãos para indicar a imagem em um livro, o beijo na hora da chegada e saída da biblioteca, o escutar da voz da educadora, o ruído da troca de brincadeiras e o silêncio cheio de riqueza quando a sala se faz de leituras concentradas, tudo isto, é vida transformada pelos livros e pela paixão em ler.

Por conta disto estamos todos mobilizados para esta comemoração do dia Nacional da Leitura com programações especiais em todos os nossos projetos durante toda a semana.

Pessoalmente, dou minha contribuição ao aceitar em ler Harry Potter e a Pedra Filosofal, pela primeira vez em uma leitura compartilhada com minha neta Antônia, de 9 anos que me disse hoje: “Não consigo ler só à noite vovó. É muito bom demais para só se ler uma vez por dia”. Tite de Lamare (Esquina do Livro)

Para saber mais sobre o Dia Nacional da Leitura acesse o site: www.ecofuturo.org.br

Saber fazer uso da palavra é conscientizar e atuar. Quando a palavra está na ponta da língua, na ponta da caneta, na ponta do teclado, nos tornamos donos da nossa história.

Nenhum comentário:

Postar um comentário